31 outubro 2014

Homens que não sabem amar


Quando as mulheres se juntam, não demoram muito para colocar o homem em pauta.




No último clericot com ‘azamigas’ falou-se sobre homens que têm fobia a relacionamentos — Freud explica —, que aqui vamos classificar gentilmente como ‘homens  que não sabem amar’.

Mulheres que querem ser amadas devem correr de homens que, de prima, falam de outras mulheres – principalmente da ex. Se possível, elas devem fugir para as colinas. Sim! É como um sinal do fim do mundo. Nenhuma precisa sentir o cheiro da outra, nem ter medo do fantasma da ‘falecida’. 

Homens que não sabem amar não têm atitude! Terminam seus relacionamentos várias vezes sem motivo  não têm peito para manter uma relação. São caras que vão falhar na hora ‘H’  não porque estão com problemas pessoais; possuem disfunção erétil; ou estejam cansados. Mas porque são acomodados demais para buscar prazer. No dia seguinte ainda pedem desculpas pelos atos falhos. Não aceite! Eles precisam saber que não são autossuficientes. 

Homens que não sabem amar são chatos! Ficam sempre buscando mulheres perfeitas desde que descobriram que elas podem ter celulite. Para eles, as mulheres não podem engordar, mas sempre as levam para comer petiscos à noite. Elas precisam saber sobre a taxa Selic, mas as fazem perder aulas na faculdade para ajudá-los a comprar um sapato. Esses malas patrulham as redes sociais delas e desconfiam de todos os ‘likes’.

Homens que não sabem amar aparentam ser ‘boa praça’ para não se sentirem rejeitados nos ambientes que frequentam. Desconfie de caras muito legais. Eles têm um inferno pessoal — adoram suas vidas amargas e arrastam outras pessoas para elas.

Uma mulher que sabe amar não nada contra a corrente quando conhece o curso da sua vida... Ela sabe onde fica o norte – não precisa ir muito longe em relacionamentos que tendem a naufragar. Ah! E se, por acaso, esquecerem as coordenadas, há sempre uma amiga para avisar.

Curta ►Facebook

Siga ► Instagram

Conheça a loja ► www.incessante.com.br




3 comentários:

Jarbas Gaston Siebiger disse...

Lena, homens são iguais a cachorrinhos: precisam de treinamento, hehe.

E vai uma dica masculina: a tendência do homem é substituir a mãe. Satisfeito, vai em busca de uma amante.

Nina disse...

Primeiramente, o que me chamou a atenção no texto foi a sua escrita. Nesse mundo dos blogs escrever certo tá uma raridade. Sério, parabéns! E, segundo, me lembrou um pouco os textos do CSV, que adoro (os que não são machistas, claro).

Love, Nina.
ninaeuma.blogspot.com

NORK REINA disse...

Oi, Lena. Li alguns dos teus texto. Muito interessante. Sem emitir juizo de valor sobre tais, passei apenas para dar um alo. Nos encontramos no Irish Pub nesta terca. My name's Pedro...