17 outubro 2008

...Trinta!


Mulher incansável,
De complexo A, B, C.
De vontade Insaciável,
Não dá pra entender.

Mulher de fases.
A TPM é a desculpa
Para fazer as pazes,
Depois da balburdia.

Mulher oscilante.
De quase trinta,
De querer incessante.
Quer que eu minta?

A idade tenta esconder.
Hão de se acostumar.
Quando uma ruga nascer
Não adianta chorar.
[Leia + Poesia Incessante]

3 comentários:

Evandro SirQ disse...

Rarará gostei iláriO

BDE disse...

da comunidade do bar dos escritor

Eduardo P.L disse...

Meus cumprimentos pela votação na GAZETA DOS BLOGUEIROS! Seu blog merece!