28 outubro 2006

BANDO DE DADOS


Com que freqüência você vai ao médico ver seu banco de dados? Sim, o diagnóstico de um médico são dados para sua vida. É através de exames que você conhece o funcionamento do seu corpo e dos seus aparelhos.
Para uma empresa, não é diferente, o banco de dados é uma ferramenta de marketing capaz de gerar resultados fidedignos. Estamos rumo ao relacionamento, um dia agente chega lá, se continuarmos fazendo as lições de casa, chegaremos ao retorno sobre investimento.
Não quero dá uma de acionista puritana, não! Mas enfatizar que um investimento vai descer morro abaixo, se o relacionamento com clientes, funcionários, fornecedores e parceiros não for consistente.
Não é fácil implementar um banco de dados relacional. Muitas empresas que dizem estar ingressando nessa era, às vezes, estão num passo anterior. Nós denominamos esse estágio primitivo de “bando de dados”, no qual as informações são difusas. de difícil recuperação e incompletas. MADRUGA(2004, p.77).
A tecnologia é volátil, muitas empresas se perdem no meio do caminho. Ainda continuam com seus “bandos de dados”, praticando o marketing transacional, vivendo a idade da pedra lascada.
Vamos embora!

26 outubro 2006

O DILEMA DE MORAR SOZINHO - PARTE VI

Ninguém está seguro! Nem mesmo debaixo da igreja ―, pode vir a desmoronar sobre a cabeça dos fiés quanto menos se espera. Pessimismo? Não! Porque sou uma pessoa muito otimista, mas não posso fechar os olhos para a realidade que invade a nossa casa.

Sempre na virada de ano, fazemos “aquela” reflexão..., colocamos os pingos nos “is” que passaram despercebidos no ano velho, e, fazemos “aquele” planejamento para o ano novo. Bom seria se tudo acontecesse como planejamos.

Era apenas o 13º dia do ano novo, e as adversidades invadiram minha casa, ou melhor, um ladrão invadiu. Não sei há quanto tempo eu vinha sendo observada ou perseguida. O fato é que acordei às 3h da madrugada com um barulho de porta “se abrindo”. Quando abri os olhos, tinha um homem dentro da minha casa, não hesitei: Gritei muito alto como se fosse meu último grito.

Praticamente, o gatuno já estava de saída. Correu desesperadamente! Desarmado provavelmente, do contrário, teria me matado naquele momento ou até mesmo me violentado, pois ele estava lá dentro. Há quanto tempo? Eu não sei, é melhor nem pensar. Levou minha bolsa com apenas R$ 2,00 e todos os meus documentos e cartões. A pergunta que não quer calar: como encontrou a bolsa se nem eu mesma sabia onde eu tinha colocado? Talvez ele tenha entrado com uma lanterna. Ao se dá conta que saiu no prejuízo, abandonou a bolsa a uns 3 km de distância. Fui contatada no dia seguinte, pois tinha um telefone para contato.

Em estado de choque gritei por socorro. A vizinha da casa de frente me socorreu prontamente. Dando-me água e me levando para sua casa. Liguei para meu amigo Alexandre que, imediatamente, com sua mãe, saíram de madrugada ao meu encontro. Deram-me toda a assistência após o ocorrido.

Não consegui voltar mais para aquela casa “mal-assombrada”, assim posso dizer. Pois vivi um terror na minha vida. Fiquei desestruturada tanto emocionalmente quanto financeiramente. Pois as mudanças repentinas me desgastaram plenamente encurtando meu orçamento.

Nesta hora difícil, contei com o apoio da empresa onde trabalho, a qual me liberou das atividades da semana, com a Coordenação da Pós-graduação que renegociou as parcelas, pois eu iria abrir mão do curso para poder colocar tudo no lugar, e com a grande ajuda da minha melhor amiga, a Chris, que cedeu um pedacinho do seu lar até que tudo se resolvesse.

Já estou na minha nova casa. Estou começando do “zero”. As traças e os cupins roubaram meu espaço, mas não a minha fé. Confesso que senti muita falta do colo do papai e da mamãe. Se tudo na vida tem um preço... é por isso que existe o capitalismo!Morar sozinho é um grande dilema.

24 outubro 2006

O DILEMA DE MORAR SOZINHO - PARTE V

Retomando a série...

Já está na hora de deixar este estilo de vida? Pensar em casar, amancebar-se...juntar as escovas de dentes?Que dúvida cruel!

Ah! Como é bom chegar em casa e fazer aquela bagunça...não ter preocupação com nada. Sair e chegar na hora que bem entender, beber na boca da garrafa, comer miojo quase todos os dias, tomar café na padaria, esquecer de comprar papel higiênico, andar sem roupa pela casa. O que acabo de citar são algumas das mais variadas manias da geração “Young”.

Neste universo comportamental, é possível dá de cara com solteiros que moram sozinhos e fogem de casa. É a tal liberdade que todos os jovens querem, de às vezes, chutar o pau da barraca! E, se assim o fizer, não terá ninguém para reclamar ou até mesmo ficar preocupado com atitudes repentinas.

Mas, morar sozinho, não quer dizer que estamos livres das contas. Tudo tem um preço!. Se a independência for verdadeira, é claro que, não haverá ajuda monetária. Ou melhor, teremos que arcar com tudo sozinho. É nesta hora que vem aquele desejo de ter alguém por perto.

A idade vai avançando, as cobranças introspectivas também. Cai a ficha de que já está no “tempo” de formar uma família. Então... é chegada a hora de colocar na balança os prós e contra de morar sozinho. Mesmo batendo um leve desespero ao perceber que as coisas estão afunilando. É tempo de tomar decisões!

Agora, quando não se está preparado para tomar decisões... Como encarar um pedido ou a pura-espontânea-pressão de casamento derepentemente? Bem, pedir um tempo para pensar facilita a fuga, em outras ocasiões... é chorar na cama que é lugar quente!

18 outubro 2006

GUARANÁ JESUS: O SONHO COR-DE-ROSA

É de verdade, eu juro!

Respondi rapidamente, por que sei que alguém vai me perguntar se a foto é montagem ou se o guaraná é de vedade. O Guaraná Jesus é uma bebida cor-de-rosa típica do Maranhão. Em outras partes do Brasil, poucas pessoas conhecem. Alguns não acreditam que ele existe. Leia Mais

14 outubro 2006

O Dilema de Morar Sozinho Parte IV
Não ao consumismo!

Para você que pretende montar a casa do zero, prepare o bolso, pois o consumismo é inevitável. Se você não é uma pessoa preconceituosa, eu sugiro de cara, lojas de R$ 1,99 para a compra de copos, pratos, talheres, lixeira, baldes, bacias etc. Enquanto a mobília, é muito pessoal, você deve ficar atento aos juros dos prazos de pagamentos longos, muitas das vezes, você paga o dobro da mobília, o pagamento a vista é melhor opção, dizem os economistas. Leia Mais...

12 outubro 2006

DE-BATENDO
O Debate da Band com os presidenciáveis, Lula e Alckimim repercutiu em toda mídia (eletrônica, impressa, radiofônica e televisiva).Mas,a Globo, emissora líder em audiência no horário nobre, não deu importância a um debate de tamanha magnitude.Ora, tratava-se de discussões para o futuro do Brasil.Leia Mais

10 outubro 2006

O AMOR DE DEUS
Fez o céu, as estrelas, o mar
Perfeitamente tudo que no mundo há
Ele está em todo lugar, Ele é oculto
Mas quando com ele falo o escuto.Continua...

08 outubro 2006

ESTOU DE VOLTA!!!


Puxa! Eu nunca senti tanta falta do Portal como nestas últimas semanas, já estava em desespero...Estou com saudades das novidades e da interação com os meus comentaristas de carteirinha, que são a razão da existência do Portal.

Como muitos me perguntaram o motivo da ausência, não posso deixar de fazer uma síntese. Estava no meio de uma tempestade de estresse: no trabalho, na faculdade e no namoro. E para tanto, haja equilíbrio! Olha que não é apenas o emocional x racional, tem ainda o espiritual. Confesso que minha vida estava igual a foto acima.

No Trabalho, estou em busca de uma promoção, a dedicação é primordial, na faculdade, a monografia é meu tormento, nem quero te falar como vai ser a pesquisa de campo que tenho que fazer, no namoro, ah! pula essa parte, nem quero te falar que não sobra tempo para beijar na boca...

Anote na sua agenda! No mês de dezembro, entre os dias 24 a 31, o Portal fará uma surpresa aos seus comentaristas de carteirinha. Aguardem!!

Quem ainda não tem o link do portal, não perca a oportunidade, linke-me!!